julho 8, 2007

“Que não seja imortal, posto que é chama, mas (…)”

Posted in banheiro unissex, coisa de mulher, Homem, Homens, Mulheres, pensamentos, reflexão, relacionamento, Relacionamentos at 10:58 pm por Banheiro Unissex

Resolvi mudar e acrescentar algumas coisinhas no meu perfil do Orkut. Nunca soube direito o que escrever no meu perfil pessoal, até que hoje, estava lendo as lacunas e pensando no que poderia escrever em cada uma delas, mas ao ler: com os relacionamentos anteriores aprendi, o trecho de um poema de Vinicius de Moraes me veio na cabeça, e não hesitei em preencher aquele espaço, há tanto tempo em branco.

O trecho que surgiu e que me fez escrever esse post foi este: “(…)que seja infinito enquanto dure.”. Achei perfeito, alias, não há descrição melhor. É exatamente isso.

Comentei no meu ultimo post sobre um relacionamento que tive. Confesso que não queria que tivesse terminado, tudo estava tão perfeito… mas repentinamente, acabou. Assim, de um dia pro outro. Enfim… queria que tivesse durado mais? Sim, claro. Viver uma paixão é maravilhoso. Nos sentimos melhores, mais alegres, mais confiantes, mais bonitos. Parece que tudo se encaixa. Quando um relacionamento acaba, nos martirizamos e só pensamos em quanto estamos sofrendo e como seria bom estar ao lado daquela pessoa. Não pensamos se o que aconteceu é realmente o melhor para os dois naquele momento e, se os dois estavam realmente prontos para continuar o relacionamento.

Hoje, encaro a situação de outra forma. Não digo que não gosto mais dele e que não penso nele. Simplesmente, vi que tudo que passamos juntos foi muito bom e realmente valeu a pena enquanto durou. Não sei se as coisas continuariam dessa forma, por isso passei a entender como o melhor para os dois.

Não adianta derramarmos lagrimas, ficarmos frustradas e indignadas com o fim do relacionamento. Basta pensarmos que foi perfeito enquanto durou. E foi isso que me fez levantar e seguir em frente.

Ela

About these ads

33 Comentários »

  1. Já escrevi um texto sobre uma coisa parecida, se você olhar os arquivos mais antigos do blog, vai ver. O que eu acho que é quando estamos fora de um relacionamente estável, a gente começa a se ver de outra forma, passamos a gostar de coisas diferentes, enfim, trocamos de universo. E de uma maneira ou de outra, essa mudança pode ser muito boa. Porque você, com certeza, pode se sentir melhor, mais alegre, mais confiante e mais bonita sem um namorado, é só descobrir o segredo!

    beijinhos, dear.

  2. Letícia said,

    “Que seja infinito enquanto dure…”
    é, sábias palavras,muito
    Nada como viver um grande amor, o problema é quando acaba, e nós não queremos enxergar isso, mas no fundo temos consciencia da situação, dói, mas enfim…
    Essa é a hora de se olhar no espelho e perceber que nada importa mais que você mesma =)

    To colocando o link daqui no meu blog ;)
    bjusssss

  3. Gi said,

    Sabe uma coisa que aprendi com relacionamento anteriores, é que sempre devo fazer de tudo pelo relacionamento pra não ficar com aquele sentimento de culpa, tipo nossa devia ter tentado mais, o sentimento de culpa é horrível, e outra coisa muito importante é a valorização, devemos sempre valorizar a pessoas que está ao nosso lado, isso eu levo agora nos meus relacionamentos, e tem me ajudado muito…rs

  4. Ruberto said,

    “Que seja infinito enquanto dure”
    Sempre no fim de uma relação sofremos, independente do tempo, e de quem estava conosco. E só entendemos o quanto foi bom, e realmente conseguimos seguir em frente, quando entendemos o quanto foi unico enquanto durou aquela relação….
    Só assim conseguimos nos permitir seguir em frente….

    beijoss

  5. Elisa said,

    é sempre assim quando acaba né? um sofreeeerrr enooormeee. mas passa. tem que passar. temos que acreditar que tudo muda, inclusive nós. que nos tornamos mais maduros. e depois de um tombo não pode nunca deixar de acreditar! nunca! :) bj

  6. Girassol said,

    Curioso, hoje comentei um blog cujo texto falava da dor da separação, e no meu comentário mencionei que só o tempo nos traz serenidade para olhar o fim de outra perspectiva.
    Chegando aqui, encontro este texto e nele revejo exactamente o meu pensamento.
    Evidente que todas as separações magoam, mas quando a poeira baixo, conseguimos encará-las não com mágoa, mas como um momento bom que simplesmente não podia durar mais. Uma relação é boa enquanto é boa para ambos, quando deixa de o ser, o melhor é cada um buscar estrelas noutro céu.

    Obrigado pelas palavras, ehe, assim fico babada.

    Beijinhos

  7. Júlia said,

    Ao citar Vinícius de Moraes, o qual todos fazem confusão, por achar que entendia de mulheres, digo aqui, que Vinicuis não entendia de Mulher. Não… Ele, Sim, o próprio Viniciuis entendia mesmo era do Amor.. Era uma pessoa que Amanva Amar.. Por isso tanta sensiblidade pra escrever tais maravilhas.. Portanto e em contrapartida, me lembro de outro autor tão famosos quanto, mas mais sarcástico que o citado no post: Nélson Rodrigues… Esse sim disse uma vez.. “Se acabou, é porque não era Amor” Faço dele as minhas palavras para ELA.. é mais uma forma de ver a vida minha querida…….
    Bjooss.. e saudades multiplicada por infinito…

  8. Pois eh…
    Quando a gente quer mesmo… acaba.
    E o que aconteceu?
    O que a gente fez?
    Acho que pensar que estava perfeito foi o nosso maior erro.
    Eh exatamente esse comodismo da perfeicao que acaba com o que estava lindo. Nao perfeito mas, lindo… E nos fzendo felizes…
    Eh assim… vivendo e aprendendo!
    Beijossssssss
    Volte sim.. Sera bem vinda! Ops… Serao bem vindos!

  9. Cin said,

    Essa sua conclusão final chama-se amadurecimento.
    Adorei a visita tanto qto o seu blog.
    Bjos!

  10. Oi, gente!
    Vim conhecer o blog de vcs.
    Olha… Fazer blog de dois é complicado, às vezes, principalmente quando o outro deixa a carga toda em cima de vc, por postar pouco… Isso rende brigas, que são postadas, lógico! rsrsrsrsrsrs… Mas nós somos namorados e vcs, amigos.
    Então. Bom! Significa que vou voltar aqui mais vezes pra ver como amigos vão discutir as relações homem x mulher, constatar se fica muito diferente quando é namorido e namotroa discutindo… Rsrsrsrrs…
    Visitem-nos também. O propósito dos nossos blogs é bem semelhante… Vide o post 1 pra entender…
    Bjos mil da D. Encrenca!

  11. Luiza said,

    eu demorei um tempão pra conseguir entender isso, mas hoje em dia sou bem mais feliz pensando assim!
    =]

  12. tifu said,

    perfeito? será q foi perfeito?
    ou será q ainda é muito cedo pra falar num relacionamente perfeito?

  13. Mila said,

    É… o fim as vezes eh bem quisto neh.
    E sabe, o seu relacionamento foi perfeito sim. Mesmo com todas as imperfeições.
    Um beijinho.
    Adorei esse texto.. essa “auto reflexao”. Me encaixei muito…

  14. Olá pessoas, obrigada pelos comentários. Principalmente pelas dicas e conselhos. :D

  15. Ivy said,

    Me identifiquei muito com o post. E concordo com tudo isso. O que importa é aprender com os relacionamentos anteriores, nada é em vão. (: Beijos.

  16. Monica said,

    Nossa, que verdadeiro isso. A gente tem a mania de sempre ficar procurando um motivo, um culpado pelo término. Acho que a questão é lembrar que as coisas realmente passam, e achar o pezinho de meia pra uma vida inteira não é nada fácil.
    Adorei aqui! Beijos!

  17. *Lusinha* said,

    Eu concordo em partes… Acho que temos que seguir a vida, com certeza, mas temos que viver o luto também… Chorar, sentir a dor que acabou, porque só assim vamos aceitar que acabou, entender que o tempo ao lado daquela pessoa acabou e, então, seguir em frente…
    E óbvio que esse luto não pode durar mais de uma semana… A vida tem que seguir!
    Bjitos!

  18. Concordo com vc Lusinha! Com certeza, temos que passar pelo sofrimento para posteriormente superarmos. Obrigada pelos comentários… :P

  19. Ana Luiza said,

    Agradeço pela visita la em meu cantinho ^^
    Gostei daki
    tb ando meio sumidinha
    mas voltarei tb!
    BJo

  20. Menina Lunar said,

    Vim retribuir a visita, e adorei o que vi!!
    Excelente o texto, bastante reflexivo… Às vezes a gente prefere se fechar no porão escuro da nossa dor em vez de olhar no jardim as flores bonitas que foram plantadas, e lá ficarão, testemunhando momentos bons – ou ruins – mas sempre de aprendizado.
    Só o grande mestre Vinicius pra criar uma frase tão perfeita…
    Ele já sabia de tudo, sempre soube. (rsrsrsrs)
    E viva os nossos infinitos que um dia acabam…
    Viva os próximos, e os próximos dos próximos!
    Adorei aqui, vou colar o endereço lá no meu e voltar sempre.
    Mil bjos!!!

  21. Vanessa said,

    Assino embaixo! Tudo dura o tempo necessário… e tudo pode acontecer e mudar há qualquer momento!
    Por isso que a vida é bela…SEMPRE!

    Adorei a visita e adoreii conhecer aqui!
    beijossss

  22. Gabi said,

    Bem, visitando o “É só saudade”, vi um comentário seu e resolvi visitá-la. Na verdade, vistiá-los, que “ele” não se ofenda :) .
    Muito bom o blog de vocês, adorei. Também faço comunicação em “uma conceituada faculdade”, mas carioca, a UERJ (eu disse… conceituada? Foi uma piada, gente).
    Voltarei sempre aqui, posso linká-los?
    Adoro conhecer gente que escreve bem. Parabéns à vocês.
    Um beijo!

  23. Olá Pessoal, agradeço muiiito pelos elogios. E agradeço também pelos pedidos de link, todos permitidos. ;)

  24. Isabella said,

    humm, vlw pl visita no meu blog volte sempre hein!!!

    adorei o blog de vcs dois e li tb a apresentação de vcs, nusss sou parecida demais com vc. faz praticamente 1 ano que terminei um namoro e áté hj gosto dele mas continuo vivendo e seguindo a vida né.

    o jeito é aceitar e não ficar se remoendo olhando a vida passar sem fazer nada, ou seja, chore, sorria, saia, dance, beije outras pessoas, converse, escreva, faça tudo que lhe de prazer, fique ao lado de amigos, pense em vc e como eu sempre digo: se não tá comigo é pq não era pra estar msm.

    e vamos ser felizesssssssssssssssss (msm sofrendo um cadinho).

    bjuss

  25. A questão é que até chegar na conclusão do “foi bom enquanto durou”; inevitavelmente nos sofremos – alguns mais outros menos -

    Mas isso também faz parte da vida, álias a vida continua, não é mesmo? :D

  26. Bom que gostou! Nos veremos mais vezes então. Seja sempre bem-vinda!
    Bjos!

  27. Mila said,

    Passei pra ver se tinha novidade. Huhuuhuhu!
    Beijocas!

  28. Gabi said,

    Obrigada pela visita, tá?
    Um beijo!!!

  29. Mah said,

    Esse soneto é muito³ lindo! é, você tá certa, a gente num pode acavar nosso mundo junto com o relacionamento acabado. “O que é bom dura o suficiente para ser inesquecível.” Bola pra frente, o negócio é não parar. A vida é tão curta que qualquer pausa muda alguma coisa ;)
    pessoas melhores estão pra vir.

    :*

  30. Jana said,

    Acontece que o relacionamento acaba, mas o sentimento este fica muito tempo ainda a nos rondar… e tem vezes que a gente se acostuma, e não ele que vai embora…

    beijos

  31. Lily said,

    Seu post caiu como uma luva pra mim!
    P-e-r-f-e-i-t-o!

    E acho que até vou te copiar nesse lance do orkut, viu?! rs

    Bjkssss

  32. mayra said,

    E estou passando por uma
    situaçao parecida naum e facil
    mas da pra supera com tempo e
    essa historia e muito bacana beijos!!!!!

  33. aline said,

    Q NEM TUDO SÃO FLORES!!!!
    Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo… Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos… Já expulsei pessoas q amava de minha vida, já me arrependi por isso… Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos… Já acreditei em amores perfeitos, já descobri q eles não existem… Já amei pessoas q me decepcionaram, já decepcionei pessoas q amaram… Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir… Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi… Já fingi não dar importância às pessoas q amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto… Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir… Já acreditei em pessoas q não valiam a pena, já deixei de acreditar nas q realmente valiam… Já tive crises de riso quando não po


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: